sábado, abril 23, 2011

Arroz doce para a 1ª Páscoa do Henrique!

Esta é a primeira Páscoa do Henrique e já vai ser iniciado nas tradições aqui de casa! 
Se ainda não pode comer o arroz doce, pelo menos já vai ver o pessoal "lamber os beiços" e pedir mais!! 



A receita que aqui deixamos é a da tia Cândida... uma delícia! Não podemos passar sem ele!
Feliz Páscoa a todos!  

Precisa de:


- 2 chávenas (chá) de arroz "carolino" (grão redondo, glutinoso, o melhor para o arroz ficar bem cremoso)
- 2 1/2 chávenas (chá) de açúcar
- 2 litros de leite (gordo ou inteiro)
- 2 paus de canela
- 6 gemas de ovos
- casca de 1 limão
- sal q.b.
- água q.b.
- canela em pó q.b.

Modo de fazer:


Numa panela ampla, coloca-se um pouco de água (suficiente para "abrir" o arroz), o sal, 1 pau de canela e a casca de limão.

Leva-se a aquecer em lume médio.

Entretanto, à parte, aquece-se o leite, no qual se colocou o outro pau de canela.

Quando a água iniciar fervura deita-se o arroz, espalhando-o com uma colher de pau. À medida que a água for secando, vai-se juntando o leite quente (reservar um pouco para desfazer as gemas).
Para o arroz não pegar no fundo da panela, tem que se ir mexendo sempre com a colher de pau e mantendo uma fervura moderada.

Colocam-se as gemas numa tigela e junta-se-lhes o bocado de leite que ficou reservado.

O arroz deve estar cozido quando o leite acabar. Se não estiver ainda cozido (o que pode suceder devido ou ao tipo de arroz ou ao fogo estar demasiado forte, secando o arroz depressa demais sem cozer) vai-se juntando mais leite quente, até que fique totalmente cozido. 

Junta-se o açúcar, deixa-se secar um pouco mais e quando estiver com a textura desejada, retira-se do fogo. Convém não esquecer que o arroz quando arrefecer vai sempre "ligar" um pouco mais. A textura tem muito a ver com o gosto de cada um. Nós aqui gostamos dele bem cremoso.

Junta-se de seguida a mistura de gemas e leite, passada por um coador.
Vai outra vez ao fogo uma última vez a fervilhar ligeiramente para cozinhar as gemas.


Coloca-se em travessas, retira-se o pau de canela e a casca de limão e decora-se com canela em pó.



O segredo do arroz doce? alguma prática e, sobretudo, calma e paciência... acho que é por isso que o arroz doce da tia Cândida é tão bom! 
Para o ano, o Henrique já vai poder comer e pedir mais!!


9 comentários:

Carla disse...

Quer seja Páscoa ou não, o arroz doce é sempre bem-vindo! :)
Boa Páscoa!

ameixa seca disse...

Ando viciada em arroz doce, uma delícia!

turbolenta disse...

Um doce tipicamente português. Cá em casa adoramos.

Gleise Caires disse...

Oi...meu blog está nascendo e eu estou à procura de novas amizades para adividir meus momentos e idéias...Se quiser embarcar nessa ..comece a me seguir..eu já estou te seguindo..

http://cairesss.blogspot.com/

Clinica Psicologia disse...

Very nice post. I just stumbled upon your weblog and wanted to say that I’ve truly enjoyed browsing your blog posts. After all I will be subscribing to your rss feed and I hope you write again very soon! Best Regards, Pedro.

Pegasuslegend disse...

What a clever idea!

Raiza disse...

Adorei o arroz doce, fiz aqui em em casa e todos adoraram.Inspirada nesse e em outros blogs, resolvi criar o meu com receitas para iniciantes www.sevirandosozinho.blogspot.com o blog ainda está relativamente novo mais com o tempo vai progredir.Já estou seguido o seu e a proxíma receita a fazer será as almôndegas de borrego, parece ser uma delícia

Raiza disse...

Adorei o arroz doce, fiz aqui em em casa e todos adoraram.Inspirada nesse e em outros blogs, resolvi criar o meu com receitas para iniciantes www.sevirandosozinho.blogspot.com o blog ainda está relativamente novo mais com o tempo vai progredir.Já estou seguido o seu e a proxíma receita a fazer será as almôndegas de borrego, parece ser uma delícia

Raiza disse...

Adorei o arroz doce, fiz aqui em em casa e todos adoraram.Inspirada nesse e em outros blogs, resolvi criar o meu com receitas para iniciantes www.sevirandosozinho.blogspot.com o blog ainda está relativamente novo mais com o tempo vai progredir.Já estou seguido o seu e a proxíma receita a fazer será as almôndegas de borrego, parece ser uma delícia